Tudo o que você precisa saber sobre pilates



Uma única atividade física, mais de 15 benefícios: assim é o pilates, um método que reúne mais de 500 movimentos que promovem a qualidade de vida por meio do controle e conexão entre corpo e mente.


Concentração, domínio corporal, respiração controlada e bem-estar emocional são algumas das mudanças causadas com a prática dessa modalidade, que agrada até quem não tem afinidade com exercícios físicos.


Inclusive, ele é tão poderoso que foi utilizado no treinamento de policiais, detetives, membros do Exército, dançarinos, artistas, integrantes da realeza e celebridades da Alemanha, Inglaterra e Estados Unidos nas décadas de 1910 a 1960.


Quer saber mais? Continue lendo este texto que preparamos com carinho para você entender tudo o que precisa sobre o pilates.



O que é pilates?


Pilates é um método que desenvolve o condicionamento físico e mental utilizando atividades com ou sem aparelhos feitas com poucas repetições, mas com bastante concentração para garantir maior eficácia e precisão.


A prática não foca na quantidade, mas na qualidade de cada série de exercícios, que é planejada de acordo com as necessidades e limitações do aluno. Por isso, é recomendado para pessoas de diferentes idades, dos 8 aos 80 anos, e com as mais diversas condições de saúde.



Benefícios do pilates


Quando dissemos lá no início do texto que o pilates tem mais de 15 benefícios, não estávamos exagerando. Alguns deles são:

– Aumento da resistência física e mental;

– Melhora da flexibilidade;

– Aumento da capacidade cardiorrespiratória;

– Musculaturas tonificadas;

– Melhora da coordenação motora;

– Relaxamento do corpo e autoestima elevada;

– Melhora na postura e na resistência muscular;

– Auxilia no controle de peso;

– Expansão da consciência corporal;

– Alivio de dores musculares;

– Melhora de desvios da coluna (mas a prática deve ser indicada por um médico);

– Diminuição ou até fim das dores na coluna;

– Fortalecimento dos músculos abdominais;

– Aumento do controle emocional;

– Equilíbrio de todas as funções do corpo.


“Com 10 sessões você perceberá a diferença, com 20 sessões os outros irão perceber a diferença e com 30 sessões você terá um novo corpo.”

Joseph Pilates, criador do método pilates.


Tipos de aulas de pilates

Existem 2 tipos de aulas de pilates:


1) Pilates solo: as séries de exercícios são feitas apenas com o peso do corpo, o que requer um controle maior dos movimentos e músculos;

2) Pilates com aparelhos: as séries são feitas com aparelhos especiais, exclusivos da prática de pilates, que guiam a execução dos exercícios e controla a dificuldade, deixando-os mais fáceis (ideal para quem está começando ou tem limitações física) ou difíceis.



Curiosidade: como surgiu o pilates


A técnica foi criada pelo alemão Joseph Pilates, que sempre buscou na atividade física uma maneira de ter o corpo mais forte e saudável. Isso porque, quando pequeno, apresentava quadros de asma, raquitismo e febre reumática, o que impedia que tivesse uma infância como a de outras crianças.


Por causa disso, dedicou sua vida à melhorar sua força física e, para isso, estudou anatomia, física, biologia, fisiologia e medicina tradicional chinesa. Assim, desenvolveu um método que aliava técnicas de respiração (para ajudar com a asma) com exercícios de resistência e postura, fortalecendo os músculos do centro do corpo.


Inicialmente, esse método foi chamado de “contrologia”, porque tinha como objetivo o controle consciente de todos os movimentos musculares do corpo, e caiu nas graças de muitos artistas, bailarinos, policiais e até do Exército da Alemanha, Inglaterra e Estados Unidos, países onde Joseph Pilates morou e deu aulas.


Aulas de pilates em Mogi das Cruzes


Se você ficou com vontade de conhecer de perto o pilates, temos uma boa notícia: temos aqui, na Clínica Consulta Fácil, um estúdio completo com aparelhos e instrutora para aulas individuais ou em duplas!


Você pode agendar um horário 2 vezes por semana com pacotes mensais ou aulas avulsas, o que for melhorar para você.


Por: Consulta Fácil

4 visualizações0 comentário