EXAMES

Ultrassom


A ultrassonografia é feita por diversos motivos, mas as mais comuns são para gestantes fazerem o pré-natal e detectarem possíveis malformações no embrião.

Preparo e Orientações:

Ultrassom Abdome Total, jejum de 8 horas. Tomar 40 gotas de Luftal de 6/6hs um dia antes do exame. Bexiga cheia (6 copos de água). Trazer exames anteriores caso o tenha. O exame de Ultrassom é um método de diagnóstico por imagem que, assim como o raio-x, detecta doenças e/ou variações anatômicas com base na forma, tamanho e textura das estruturas (órgãos) avaliadas.


Tipos de Ultrassom:

• Ultrassonografia convencional: trabalha com imagens formadas em modo B (bidimensional);

• Doppler: dispositivo usado nos transdutores para detectar o deslocamento de fluídos (em geral o sangue, determinando o sentido do fluxo e suas velocidades);

• Elastografia: os pulsos de som fazem os tecidos vibrarem e a leitura desta vibração determina os variados graus de dureza tecidual, sendo indicada, por exemplo, para determinação do grau de fibrose de um tecido e pesquisa de cirrose hepática, evitando necessidade de procedimentos invasivos como a biopsia;

• Ecocardiograma transesofágico: um transdutor, inserido no esôfago, obtém imagens do coração. Geralmente é feito com sedação;

• Ultrassonografia transretal: o teste cria imagens da próstata, colocando um transdutor especial no reto;

• Ultrassonografia transvaginal: um transdutor especial é inserido pela vagina para analisar o útero e os ovários;

• Ultrassonografia de mamas: o teste trabalha com ondas sonoras de alta frequência, que proporcionam imagens da estrutura interna das mamas;

• Ultrassonografia abdômen total: um transdutor é passado pela região abdominal para captar imagens das estruturas intra-abdominais, como fígado, vesícula biliar, baço, pâncreas, rins, bexiga, aorta, veia cava inferior e adrenais;

• Ultrassonografia obstétrica: é um dos testes mais comuns utilizado para visualizar o bebê (embrião ou feto) dentro do útero de uma mulher grávida. Ele capta as imagens por meio de ondas sonoras que não possuem efeitos danosos conhecidos. Também é usado para examinar o útero e os ovários da mãe;

• Ultrassonografia da tireóide: um transdutor é inserido através da garganta para obter imagens da glândula tireóide. Não exige preparo, é simples e indolor.


Para que serve o Ultrassom?

A ultrassonografia é feita por diversos motivos, mas as mais comuns são para gestantes fazerem o pré-natal e detectarem possíveis malformações no embrião. Além disso, o Ultrassom serve para verificar:

• Processos tumorais;

• Processos inflamatórios/infecciosos, como apendicite;

• Doenças de depósito, como aumento de gordura no fígado;

• Formações de cálculos na vesícula biliar ou nos rins;

• Estreitamento de vasos, determinando, por exemplo, estenoses de artérias e o comprometimento do fluxo de sangue para órgãos vitais;

• Variações da anatomia habitual que possam comprometer o funcionamento normal de determinados aparelhos, como o aparelho excretor com obstrução da drenagem urinária ou o aparelho reprodutor com dificuldades que impedem a gravidez;

• Roturas teciduais nos casos de lesões musculares ou estiramentos.


Aqui, na Clínica Consulta Fácil, você encontra especialista qualificado e pronto para te ajudar.
Agende sua consulta!