Quais sintomas e doenças trata o cardiologista?

Atualizado: 29 de jun.



O coração é a vida do nosso organismo, já que todo o corpo depende dele para funcionar corretamente. E, para garantir que ele trabalhe em perfeito estado, a atuação do cardiologista é fundamental.


Esse profissional atua no diagnóstico de doenças e, caso necessário, prescreve tratamentos e medicamentos para que esse órgão tão importante exerça sua função sem problema algum.

Agora, antes de continuar este texto, responda com sinceridade:


Quando foi a última vez que você foi ao cardiologista?


Se a resposta for mais de um ano, é essencial que você continue lendo esta publicação que criamos com carinho para que você entenda o que a cardiologia pode fazer por você e o porquê ela é tão essencial.


O que é cardiologia?


Cardiologia é a área da Medicina responsável por diagnosticar e tratar doenças que afetam o coração, além de outros componentes do sistema circulatório.

Uma consulta cardiológica pode ter duas funções:

1) Preventiva: para orientação médica, mesmo quando está aparentemente saudável, ou para assegurar que está apto para fazer um procedimento cirúrgico ou iniciar uma atividade física;

2) Curativa: para tratar alguma doença cardíaca.



Quais doenças o cardiologista trata?


Há uma série de doenças cardíacas (e, por isso, visitar um profissional o quanto antes é importante!) existentes, entre elas:

– Arritmia: batimentos cardíacos irregulares, sendo mais rápidos ou mais lentos que o normal;

– Insuficiência cardíaca: dificuldade em bombear o sangue para o resto do corpo;

– Infarto ou ataque cardíaco: é caracterizado pela morte de células de uma parte do coração.


Sintomas comuns de problemas cardiológicos


A dor no peito e palpitação são os sintomas que mais deixam as pessoas em alerta, porém, elas não são as únicas.


Muitos sinais não envolvem o coração em si, mas podem indicar um problema cardíaco, como:

• Cansaço constante, mesmo em repouso;

• Acorda com tosse no meio da noite;

• Inchaço nas pernas, tornozelos e pés ao final do dia;

• Falta de ar ao realizar pequenos esforços ou em repouso;

• Dificuldade para dormir com cabeceira baixa;

• Cansaço/Fadiga;

• Pele pálida ou azulada;

• Desmaios frequentes;

• Suor excessivo;

• Tontura.


É importante consultar-se com um especialista quando há um ou mais destes sintomas. Quanto antes o problema for detectado, maior é a possibilidade do tratamento ter bons resultados.


Quem deve ir ao cardiologista?


Todas as pessoas devem se consultar pelo menos uma vez com um médico cardiologista para um check-up, principalmente quem tem mais de 35 anos. Nessa primeira visita, o profissional dará a melhor orientação em relação a quando deve acontecer a próxima consulta.

Em especial, pessoas com histórico de problemas cardíacos na família devem passar no consultório anualmente a partir dos 30 anos, já que a carga genética costuma ter uma forte influencia na saúde do coração.


O Dr. Eduardo Ferreira de Siqueira (CRM 74215), cardiologista da Clínica Consulta Fácil, explica quem mais deve ir ao consultório médico o quanto antes.


Cardiologista em Mogi das Cruzes


O coração trabalha durante 24 horas para fazer com que a vida bata no ritmo certo, por isso, cuidar dele com dedicação é vital. Aqui, na Clínica Consulta Fácil, você é atendido por médicos cardiologistas experientes, com amplo conhecimento e muito dedicados.


Tire dúvidas sobre nossos especialistas ou agende sua consulta pelo telefone: (11) 3786-1010 ou WhatsApp: (11) 99149-8653. Se preferir, clique no botão abaixo e seja redirecionado para nossa conversa.


Por: Consulta Fácil


2 visualizações0 comentário